quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

EDUCAÇÃO MORAL E CÍVICA

Aos 9 anos de idade li a seguinte Crônica real num livro de EMC:
“Cheguei a Portugal, desembarquei, saí do aeroporto e chamei um taxi. Informei o endereço do hotel, quando chegamos o taxista cobrou muito acima do valor que eu sabia que custaria. Acabamos discutindo e o taxista disse:
‘-Estamos em Portugal, um país livre, e, por isso cobro quanto quiser’.
Respondi:
‘-Mas isso não faz sentido!’
Um guarda se aproximou, perguntou o que estava acontecendo, contei e ele disse:
‘-De fato estamos num país livre e ele pode cobrar quanto desejar e, pelo mesmo motivo, a senhora paga se quiser!’
A autora da Crônica real encerrou dizendo que pagou em homenagem à liberdade”.
O que se aprende com essa história real?
Que em todo o tempo a mensagem central é que Portugal era um país livre, diferentemente do Brasil que vivia sob Ditadura!
A segunda lição era sobre justiça e igualdade que, aliás, foi ensinada pelo policial
Se Educação Moral e Cívica era tão bom por que não aprenderam nada com isso e hoje estão desmontando o país e a liberdade?